A essa altura, provavelmente você já sabe que eu tenho um canal no YouTube e já se inscreveu, curtiu todos os vídeos, etc. Mesmo assim, vou deixar aqui o conteúdo dos dois últimos vídeos, o primeiro sobre como vender este serviço para o seu cliente e o segundo sobre como realmente fazê-lo.

Como vender a atualização de PHP de sites WordPress

Nesse vídeo eu recomendo que você baseie o seu discurso de vendas em três pilares:

  • Segurança: sites com versões antigas do PHP contém vulnerabilidades. Mantendo o PHP atualizado o cliente evita ter seu site exposto a ataques e que sua marca seja prejudicada por isso.
  • Vantagem sobre a concorrência: um site com melhor desempenho tem posição melhor no Google e também aumenta a permanência dos usuários (muitos saem se o site demora a carregar).
  • Problema inevitável: principalmente se for um e-commerce brasileiro, esse é um problema que precisará ser resolvido mais cedo ou mais tarde.

Como atualizar o PHP de sites WordPress

Neste vídeo eu comento sobre plugins que podem ajudar, processos e algumas dicas. Os plugins são:

Comentei também sobre a nova página no WordPress.org Brasil sobre atualização de PHP.

Esqueci de comentar no vídeo que é comum receber um erro de timeout no PHP Compatibility Checker. É possível aumentar o tempo de execução através de um hook, o filtro wpephpcompat_scan_timeout. Para isso, crie um arquivo php com o seguinte conteúdo, colocar na pasta wp-content/plugins e ativar o plugin PHP Compatibility Custom Timeout que aparecerá na lista.

<?php 
/*
 * Plugin Name: PHP Compatibility Custom Timeout
 * 
 * @see https://gist.github.com/octalmage/07f26e0d1f25cea9a8ca92ebc67a3a14
 */

function custom_timeout( $timeout ) {
	return 0;
}
add_filter( 'wpephpcompat_scan_timeout', 'custom_timeout', 10 );

Dá uma força pro amigo aqui e deixa um “curti” nos vídeos e se inscreve no canal? Comentar e compartilhar nas redes sociais também ajuda MUITO!